Connect with us

Vagas analista de gestão para Jundiaí, SP

 

 

Neste momento, assessoramos empresa nacional de grande porte, do segmento de Cosméticos. está com 1 vaga(s) em aberto para JUNDIAÍ / SP.
Responsabilidades: Gerenciar Projetos e acompanhar obras, elaborar projetos, apresentações e planilhas de controle e concorrências. Captar as necessidades junto aos clientes internos, desenvolver e gerenciar fornecedores, gerenciar mudanças de layout.

Requisitos: Superior em Arquitetura, Engenharia, Técnico em Edificações. Experiência em gestão de projetos e/ou obras; Conhecimento em técnicas de gestão de projetos; elaboração de projetos de arquitetura em Auto CAD; Pacote Office e Auto CAD.

Salário: a combinar

Benefícios: Refeição no Local; Vale transporte.

Observações: Horário e Escala de Trabalho: Administrativo de segunda a sexta, das 08h00min às 17h00min.

Divulgue seu currículo no Emprega Brasil para Milhões de Empresas

Divulgar Currículo

1º Lugar no google “Currículo de Gerente de suporte de ti” nos resultados orgânicos, clique e confira.

 


 

Analista de gestão

Analista de gestão, atribuições ao cargo

O Analista Administrativo, é o profissional que planeja, organiza, controla e assessora as organizações nas áreas de recursos humanos, patrimônio, materiais, informações, financeira, tecnológica, entre outras, ele programa programas e projetos, elabora planejamento organizacional, promove estudos de racionalização e controla o desempenho organizacional. Um Analista Administrativo realiza atividades da área administrativa da empresa, coordenando os trabalhos, analisando os sistemas de controles e métodos administrativos em geral, participando do planejamento da organização e controle de fluxos de trabalhos, sendo objetivo em racionalizar e aperfeiçoar as atividades funcionais.Para que o profissional tenha um bom desempenho como Analista Administrativo além da graduação é desejável que possua habilidades como capacidade de análise e decisão, para ser capaz de diagnosticar a melhor decisão a ser tomado em situações de risco, ser dinâmico e proativo, para que não precise esperar ordens superiores na tomada de decisões estratégicas, possuir facilidade em se comunicar, tanto na oratória, quanto na escrita e possuir capacidade de lidar com pessoas e trabalhar em equipe e se destacar em obter conhecimentos sobre gestão estratégica, relações empresariais, recursos humanos e macroeconomia.

Com que áreas dentro de uma empresa, um Analista Administrativo se relaciona?

O Analista Administrativo por ser o profissional que planeja, organiza, controla e assessora as organizações se relaciona com as áreas de Recursos humanos, Patrimônio, Materiais, Informações, Financeira e Tecnológica.

 


 

Orgão de apoio ao trabalhador

Ministério do Trabalho e Emprego –

MTE – Serviços e informações do Ministério do Trabalho ao publico.

Secretaria do Trabalho e do

Empreendedorismo

CAT SP – Centro de Apoio ao trabalhador – O CAT é uma rede de unidades direcionada ao

atendimento dos cidadãos que buscam inserção no mercado de trabalho

Postos de Atendimento ao Trabalhador (PATs) – É uma rede de atendimento do Governo de São Paulo,

coordenada pela Secretaria Estadual do Emprego e Relações do Trabalho (SERT), que concentra serviços gratuitos à população em

todas as regiões do Estado.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

Administrativa

Vaga assistente administrativo, São Paulo

Published

on

Vaga assistente administrativo para Campinas, SP

 

Empresa do ramo de transporte de produtos perigosos contrata Assistente Administrativo está com 1 vaga(s) em aberto para PAULÍNIA / SP.
Responsabilidades: Conhecimento e habilidades em excel, montagem de planilhas, gráficos, cálculos matemáticos, controle de ponto, organização, análise de documentos, conversão de arquivos word / pdf excel.

Requisitos: – Cursando Ciências Contábeis, Administração ou na área exatas. – Possuir curso voltado para a área de Departamento Pessoal; – Possuir excel avançado;

Salário: a combinar

Benefícios: Assistência Médica, Assistência Odontológica, VT, Ticket Refeição e Cesta Básica

 

Divulgue seu currículo no Emprega Brasil para Milhões de Empresas

Divulgar Currículo

1º Lugar no google “Currículo de Gerente de suporte de ti” nos resultados orgânicos, clique e confira.

 

 


 

Assistente administrativoAssistente administrativo, atribuições ao cargo

O Assistente Administrativo é o profissional que presta assistência na área administrativa de uma empresa, auxiliando o administrador em suas atividades rotineiras e no controle de gestão financeira, administração, organização de arquivos, gerência de informações, revisão de documentos entre outras atividades.
Um Assistente Administrativo controla os recebimentos e remessas de correspondências e documentos, coordenando as atividades administrativas, financeiras e de logística da unidade, organizando os arquivos e gerenciando informações.
Está sob a responsabilidade de um Assistente Administrativo receber e remessar correspondências e documentos, controlar as contas a pagar, controlar os recebimentos da empresa, emitir notas fiscais, preparar e encaminhar documentos, tirar cópias, coordenar trabalho de logística da empresa, enviar documentos para o departamento contábil e fiscal, atender telefonemas e esclarecer dúvidas sobre o financeiro, elaborar e apresentar relatório financeiro coordenando o departamento de compras e sempre manter organizados arquivos e cadastros da empresa.
O Assistente Administrativo deve estar em constante atualização relacionada à área ter conhecimentos de informática, além de boa comunicação, responsabilidade, saber administrar bem o tempo, saber lidar com números, boa comunicação, boa memória, bom humor, paciência e confiabilidade.

Com que áreas dentro de uma empresa, um Assistente Administrativo se relaciona?

O Assistente Administrativo por ser um profissional que presta assistência, se relaciona com toda a área relacionada à Administração dentro de uma empresa.

 


 

Orgão de apoio ao trabalhador

Ministério do Trabalho e Emprego –

MTE – Serviços e informações do Ministério do Trabalho ao publico.

Secretaria do Trabalho e do

Empreendedorismo

CAT SP – Centro de Apoio ao trabalhador – O CAT é uma rede de unidades direcionada ao

atendimento dos cidadãos que buscam inserção no mercado de trabalho

Postos de Atendimento ao Trabalhador (PATs) – É uma rede de atendimento do Governo de São Paulo,

coordenada pela Secretaria Estadual do Emprego e Relações do Trabalho (SERT), que concentra serviços gratuitos à população em

todas as regiões do Estado.

Continue Reading

Administrativa

2 vagas analista de planejamento, São Paulo

Published

on

Controlador de acessoVagas de analista de planejamento para Valinhos, SP

 

Empresa na área de análises químicas para indústria farmacêutica. está com 1 vaga(s) em aberto para VALINHOS / SP.
Responsabilidades: Atuar com a programação em laboratório conforme prioridades colocadas pelos clientes e capacidade instalada, utilização de ferramentas de gerenciamento e elaboração de planilhas em Excel.

Requisitos: Desejável experiência em programação de laboratórios. Ensino Superior completo em Administração ou Engenharia.

Salário: a combinar

Benefícios: Assistência Médica / Medicina em grupo, Auxílio Creche, Combustível, Estudo de faculdade, Estudo de pós-graduação / MBA, Participação nos lucros, Seguro de vida em grupo, Tíquete-alimentação, Vale-transporte

Observações: De segunda a sexta, das 8h às 17h.

Divulgue seu currículo no Emprega Brasil para Milhões de Empresas

Divulgar Currículo

1º Lugar no google “Currículo de Gerente de suporte de ti” nos resultados orgânicos, clique e confira.

 

 


 

Analista de planejamentoAnalista de planejamento, atribuições ao cargo

  • O analista de planejamento,  faz  interpretação e consolidação de informações referentes aos brokers;
    Desenvolve Querys e realiza o acompanhamento e atualização de KPIs;
    Conduz projetos estratégicos no desenvolvimento de seguros corporate;
    Presta assessoria no cumprimento do planejamento, orientando quanto à interpretação do projeto;
    Executa a coleta de dados necessária à elaboração do planejamento, programação e controle;
    Auxilia na elaboração da revisão do orçamento anual de curto, médio e longo prazo;
    Promove inclusões ou alterações no programa de orçamento;
    Presta assistência no gerenciamento dos custos;
    Realiza auditorias internas atendendo às solicitações de órgãos fiscalizadores;
    Elabora dados estatísticos sobre os serviços (cronogramas e fluxogramas);
    Acompanha os indicadores da empresa e efetua apresentações gerenciais;
    Desenvolve simulações de resultados visando melhorias do setor de planejamento.
    Para tornar-se um analista de planejamento é preciso ter ensino superior completo em Engenharia, Informática ou Ciências Contábeis. Espera-se que o profissional tenha conhecimento avançado em pacote Office, em controle de software de planejamento e acompanhamento. O analista de planejamento também precisa ter experiência na implantação do sistema SAP como key-user.Este profissional pode trabalhar em empresas dos mais variados ramos. O salário é bastante atrativo, podendo chegar aos R$ 8.000,00 mensais.

 

Orgão de apoio ao trabalhador

Ministério do Trabalho e Emprego –

MTE – Serviços e informações do Ministério do Trabalho ao publico.

Secretaria do Trabalho e do

Empreendedorismo

CAT SP – Centro de Apoio ao trabalhador – O CAT é uma rede de unidades direcionada ao

atendimento dos cidadãos que buscam inserção no mercado de trabalho

Postos de Atendimento ao Trabalhador (PATs) – É uma rede de atendimento do Governo de São Paulo,

coordenada pela Secretaria Estadual do Emprego e Relações do Trabalho (SERT), que concentra serviços gratuitos à população em

todas as regiões do Estado.

Continue Reading

Administrativa

Vaga administrador de rede, Rio de Janeiro

Published

on

Vaga administrador de rede para centro do Rio de Janeiro, RJ

Requisitos:
Formação superior completa em Sistemas de Informação, Engenharia da computação ou Gestão de TI.
Mínimo de 5 anos de experiência nas responsabilidades descritas.
Desejável pós-graduação ou especialização na área de governança de TI.

Conhecimentos necessários:
· Ambiente de Correio Eletrônico
· Ambiente de Servidores Windows e UNIX
· Redes de Dados Cisco
· Elaboração de RFP
· Processo de continuidade de negócio
· Modelos de licenciamento de software
· Modelos de outsourcing de TI
· Contratos de TI
· Segurança da informação
· Conhecimento da metodologia ITIL
· Cobit
· Inglês técnico

Atividades:

Planejamento de Infraestrutura Tecnológica e de Telecom; Administração de Projetos; Aquisição e Manutenção da Infraestrutura Tecnológica e de Telecom; Planejamento e Implementação das mudanças de TI e Telecom; Manutenção e Monitoramento da Capacidade e Desempenho; Negociação e mantenção dos contratos de TI.

Local de Trabalho: Centro – Rio de Janeiro – RJ

Faixa: R$ 5.500,00 a R$ 6.500,00

Benefícios: Vale Transporte + Assistência Médica e Odontológica + Vale Refeição (24,00) + Vale Alimentação (415,00) + Auxílio Creche + Auxílio Babá + Previdência Privada + Seguro de Vida + Vale Cultura.

Divulgue seu currículo no Emprega Brasil para Milhões de Empresas

Divulgar Currículo

1º Lugar no google “Currículo de Gerente de suporte de ti” nos resultados orgânicos, clique e confira.

 

 


 

Administrador de redeAdministrador de rede, atribuições ao cargo

 

É o profissional responsável pela administração da infra-estrutura de rede de uma corporação, capaz de gerenciar os ativos de rede, monitorar, prever incidentes, tomando ações de maneira que a comunicação fim a fim seja sempre possível.

O Perfil deste profissional deve possuir curso técnico ou superior em Redes de Computadores, Ciência da Computação ou equivalente, e/ou ser uma pessoa com grande experiência na área de informática.

O Administrador de Rede tem como atribuição principal o gerenciamento da rede local, bem como dos recursos computacionais relacionados direta ou indiretamente. Instalação, configuração e manutenção dos sistemas operacionais e de serviços de infra-estrutura de TI.

No aspecto pessoal, o profissional deve ser dinâmico e ter interesse em buscar alternativas técnicas e gerenciais através da dedicação. Deve ser confiável, prestativo e possuir facilidade de comunicação com seus usuários, além de funcionar como mediador com o Departamento de Informática(DIN) nas questões técnicas e administrativas da rede local.É quase obrigatório também, devido as mudanças e os avanços que a tecnologia sofre em curto espaço de tempo, que o profissional da área de informática, se mantenha sempre atualizado, seja por meio do uso de novas tecnologias e, ou, freqüentando salas de cursos e treinamentos, e até mesmo cursando uma Pós-Graduação, que por sinal, é muito bem vista nessa área.

Pesquisa das soluções de tecnologia existentes no mercado;

Suporte à área de desenvolvimento de aplicações;

Suporte de último nível para as equipes de apoio aos usuários;

Configuração e manutenção da segurança de rede.

Instalação e ampliação da rede local;

Acompanhar o processo de compra do material necessário para manutenção da rede local junto com o SAT (Setor de Assistência Técnica), orientando o processo de compra e mantendo contato com os fornecedores de equipamentos e materiais de informática;

Instalar e configurar a máquina gateway da rede local seguindo as orientações “Normas de Utilização do DIN”;

Orientar e/ou auxiliar os administradores das sub-redes na instalação/ampliação da sub-rede; manter em funcionamento a rede local do DIN, disponibilizando e otimizando os recursos computacionais disponíveis;

Executar serviços nas máquinas principais da rede local, tais como: gerenciamento de discos, fitas e backup’s, parametrização dos sistemas, atualização de versões dos sistemas operacionais e aplicativos, aplicação de correções e patches ;

Realizar abertura, controle e fechamento de contas nas máquinas principais do domínio local, conforme normas estabelecidas pelo DIN;

Controlar e acompanhar a performance da rede local e sub-redes bem como dos equipamentos e sistemas operacionais instalados;

Propor a atualização dos recursos de software e hardware aos seus superiores;

Manter atualizado os dados relativos ao DNS das máquinas da rede local;

Divulgar informações de forma simples e clara sobre assuntos que afetem os usuários locais, tais como mudança de serviços da rede, novas versões de software, etc.;

Manter-se atualizado tecnicamente através de estudos, participação em cursos e treinamentos, listas de discussão, etc.;

Garantir a integridade e confidenciabilidade das informações sob seu gerenciamento e verificar ocorrências de infrações e/ou segurança;

Comunicar ao DIN qualquer ocorrência de segurança na rede local que possa afetar a rede local e/ou Internet;

Promover a utilização de conexão segura entre os usuários do seu domínio.

Tendo como foco principal os serviços de Rede e equipamentos a qual a ele compete.

Colocar em pratica a política de segurança de redes, além de desenvolvê-la.

É o profissional responsável pela administração da infra-estrutura de rede de uma corporação, capaz de gerenciar os ativos de rede, monitorar, prever incidentes, tomando ações de maneira que a comunicação fim a fim seja sempre possível.

2 – Qual a interação de um Administrador de Redes e Analista de Segurança? Ou é a mesma coisa?

Dependendo da corporação, o Administrador ou Analista de Redes desempenha a função de Analista de Segurança da Informação, mas nem sempre são a mesma pessoa. Quando na empresa há um Adm. de Redes e um Analista de Segurança, a iteração entre eles é constante, visto que há falhas de de segurança em todos os segmentos, seja em Redes ou Sistemas.

3 – Quais as principais atividades?

Como já mencionado anteriormente, as principais atividades são o gerenciamento e monitoramento da infra-estrutura de redes de uma empresa.

4 – Quais as certificações necessárias?

Hoje, há várias certificações na área de redes. As principais exigidas pelo mercado são as certificações Cisco(CCNA, CCDA, CCNP, CCDP e CCIE) para quem vai atuar na área de infra-estrutura de redes a nível de roteadores e switches. Para quem vai atuar na área de projetos e implantação de cabeamentos estruturado temos as certificações da Furukawa(FCP Fundamental e FCP Master).

Há casos onde se confundem o Administrador de Redes com Administrador de Sistemas, que é o profissional responsável pela administração de servidores de uma empresa. Este, deve ter as certificações a nível de sistema operacionais(LPIC-1, LPIC-2, UCP, MCP, MCSA, MCSE).

5 – Como está o mercado de trabalho atualmente?

O mercado de trabalho está escasso de profissionais qualificados, hoje para achar um profissional com as qualificações necessárias para uma determinada função está muito difícil. Há muitas vagas e poucos profissionais qualificados. Esses períodos podem ser encurtados com as certificações necessárias para a área de atuação.

6 – Qual a faixa salarial?

Administrador de Rede Junior(Até 4 anos de experiência): R$2.000 a R$3.000

Administrador de Rede Pleno(4 a 8 anos de experiência): R$3.000 a R$4.000

Administrador de Rede Sênior(mais de 8 anos de experiência): Acima de R$4.000,00.

 


 

Orgão de apoio ao trabalhador

Ministério do Trabalho e Emprego –

MTE – Serviços e informações do Ministério do Trabalho ao publico.

Secretaria do Trabalho e do

Empreendedorismo

CAT SP – Centro de Apoio ao trabalhador – O CAT é uma rede de unidades direcionada ao

atendimento dos cidadãos que buscam inserção no mercado de trabalho

Postos de Atendimento ao Trabalhador (PATs) – É uma rede de atendimento do Governo de São Paulo,

coordenada pela Secretaria Estadual do Emprego e Relações do Trabalho (SERT), que concentra serviços gratuitos à população em

todas as regiões do Estado.

Continue Reading

Trending

Copyright © Todos os direitos reservados.